Subscreve para receber atualizações do site:

  • Branco Twitter Ícone
  • Branca ícone do YouTube

Hormonas - Estrogénio e bloqueadores de testosterona

Se tiverem curiosidade sobre o funcionamento geral das hormonas sexuais, podem consultar esta página​.

Atenção: eu não sou médico, ou farmacêutico. A informação contida neste site é apenas uma compilação de informação que fui acumulando nas minhas próprias pesquisas e não substitui a consulta com profissionais de saúde.

Nesta página:

 

​​​​A terapia hormonal feminizante é feita com medicamentos que incluem estrogénio e, geralmente, medicamentos que bloqueiam a ação da testosterona. O estrogénio é responsável pelo desenvolvimento das características sexuais secundárias geralmente associadas ao sexo feminino:

  • diminuição do pêlo corporal

  • distribuição da gordura corporal para as ancas e peito

  • desenvolvimento de mamas

 

Os bloqueadores de testosterona impedem que a testosterona continue a exercer efeitos no corpo, podendo impedir ou abrandar queda de cabelo, aumento dos pêlos corporais e faciais, dificultar o desenvolvimento de massa muscular, etc. 

Estes efeitos são, geralmente, desejados por mulheres trans e outras pessoas transfemininas. É possível que nem todos os efeitos se manifestem, e não se manifestam em toda a gente nos mesmos timmings. A magnitude e timming dos efeitos depende maioritariamente da composição genética da pessoa, da dose (embora nem sempre doses maiores correspondam a efeitos mais rápidos!) e do estado de saúde em geral. O início da terapia hormonal marca o início de uma espécie de "segunda puberdade", que demora anos a ficar concluida.

Isto pode variar muito consoante a pessoa mas, em média, os efeitos de quem inicia uma terapia hormonal com estrogénio são:

1 - 12 meses:

  • diminuição da líbido

  • dificuldade em ter e manter uma ereção

  • abrandamento da queda de cabelo

  • diminuição do tamanho dos testículos

  • diminuição da oleosidade da pele

  • inicio do desenvolvimento de mamas

  • inicio da redistribuição da gordura corporal

  • diminuição dos pêlos corporais (no entanto, provavelmente nuão vão desaparecer por completo, sendo necessário fazer depilação definitiva caso queiram ficar sem pêlos no corpo e rosto)


Efeitos indesejados incluem:

  • aumento da probabilidade de desenvolvimento de coágulos

  • aumento da pressão arterial

Reversibilidade dos efeitos
A terapia hormonal tem efeitos reversíveis, e outros irreversíveis. Efeitos irreversíveis incluem:

  • crescimento de mamas

  • perda de fertilidade (em alguns casos)


Estrogénio e fertilidade

A terapia hormonal com estrogénio e bloqueadores de testostrerona vai diminuir a produção de espermatozóides. No entanto, ainda pode ser possível engravidar alguém caso haja sexo com penetração vaginal. O estrogénio e os bloqueadores de testosterona não são métodos contraceptivos! 

Caso queiram guardar gâmetas para usarem mais tarde, existe a possibilidade de congelarem esperma antes de iniciar a terapia hormonal. É também possível interromper a terapia para o fazer, embora não hajam garantias de que ainda tenham esperma viável.

Estrogénio e estados emocionais

Há quem reporte ter ficado mais emocional depois de ter iniciado a terapia hormonal. É difícil prever o efeito do estrogénio no nosso estado emocional, uma vez que é algo que também depende de vários outros fatores da nossa vida.

 

Mais informação:

Feminizing Hormone Therapy - Hormone Health Network

Information on Estrogen Hormone Therapy - Transgender Care, University of California